Tecnólogos: carreiras promissoras para 2016

Neste artigo são apresentadas as carreiras promissoras de tecnólogos para este ano de 2016. Confira agora mesmo quais são os profissionais que o mercado de trabalho demanda.

Tecnólogos: carreiras promissoras para 2016

Apesar do cenário econômico atual e do crescente aumento da taxa de desemprego no país, existem áreas que continuam crescendo. E os tecnólogos, estudantes de cursos superiores de tecnologia e os que estão na época de escolher o curso para concorrer no vestibular precisam estar atentos para as oportunidades.

A opção por uma graduação depende muito das aptidões do vestibulando, mas não dá para descartar a aposta em áreas promissoras, principalmente em tempos de crise econômica. Não significa que há alguns ramos da economia que não foram impactados pelos resultados financeiros do mercado, mas sim que a procura por produtos e serviços de determinadas áreas não tendem a diminuir em virtude da crise.

tecnólogos,tecnólogo,carreiras promissoras

Crédito da imagem: informacaocontabil.blogspot.com

Baseado em um levantamento feito pela Catho, o site Super Vestibular apresentou 5 carreiras que devem permanecer em alta em 2016 e nos próximos anos, porém, focaremos apenas nas demandas pelos tecnólogos. Quais são as carreiras promissoras para os tecnólogos em 2016? Vamos a elas:

Tecnologia

O crescente aumento de criação de páginas na internet, bem como, a criação de novas empresas de tecnologia e de startups amplia a demanda de profissionais formados nessa área. Além do gradual número de oportunidades, os salários oferecidos são atraentes. É possível destacar os cargos de Analista/Técnico de Suporte, Analista em Tecnologia da Informação (TI), Desenvolvedor e Programador.

Para atuar nessa área, a demanda é pelos tecnólogos em (clique para saber mais sobre cada curso/profissional):

Seguros e Setor financeiro

Outro setor que tende a continuar aquecido é o setor financeiro e o de seguros, isso porque tais áreas estão resistindo bem à desaceleração da economia. Dentro desse ramo há uma demanda em ascensão por alguns profissionais específicos e especializados, como, por exemplo, os da área de Compliance (que cuida dos controles e regras de transparência).

Entre os tecnólogos que encontram espaço nesta área estão os formados Tecnologia em Gestão Financeira.

Vendas

As empresas da área de vendas devem continuar na busca de profissionais que consigam alcançar bons resultados em tempos de escassez. Profissionais dinâmicos e criativos, capazes de buscar alternativas para trazer receita na área de vendas em empresas de todos os segmentos serão cada vez mais procurados para atuarem neste ramo.

As oportunidades devem contemplar Tecnólogos em Gestão Comercial ou Marketing e Vendas e Publicitários.

Agronegócios

A área de Agronegócios teve um desempenho melhor que o restante da economia, isto se dá, porque o setor é responsável por mais de 30 por cento de tudo que é produzido no Brasil. Além do que, existe uma crescente demanda nos setores de produção de carnes e produtos florestais. Assim sendo, profissionais das áreas de Tecnologia em Agronegócio poderão ter grandes oportunidades nos próximos anos.

 

Fonte: http://vestibular.mundoeducacao.bol.uol.com.br/noticias/cinco-carreiras-promissoras-2016-mesmo-tempos-crise/329640.html#ixzz45iYfUCC7

 

Este post faz parte da categoria “Tecnólogo valorizado” (clique, para ler outros artigos desta categoria) e, para conhecer todos os cursos tecnológicos, acesse os artigos abaixo:

Vote neste post!

Quer receber as novidades grátis em seu e-mail?

(Preencha os campos ao lado)

Luis Marcos Leite

Tecnólogo em Gestão da Tecnologia da Informação, Servidor Público e Problogger.

Website: https://tecnologo.blog.br

4 Comments

  1. Lisa w

    Tenho uma dúvida, um profissional com formação em TECNOLOGO EM DEDE DE COMPUTADORES, pode legalmente prestar concurso para a vaga de TI onde se exige a comprovação em ” Graduação em Sistema da Informação ou Curso Superior Equivalente”? O mesmo concurso manda utilizar a tabela de convergência dos cursos superiores do MEC, mas pra mim pareceu bem confuso já que no rodapé do mesmo está escrito assim:

    Serão aceitos diplomas e certificados de outros cursos, com denominações distintas, desde que constem na Tabela de Convergência 
    do Catálogo Nacional de Cursos e estejam diretamente relacionadas aos cursos requeridos para o cargo ofertado, conforme a citada 
    Tabela de Convergência, disponível no site do concurso.”

    “/

  2. Jair Ribeiro

    Olá Luis, trabalho na mesma empresa desde os meus 18 anos de idade, estou com 37 anos e sempre atuei como o “menino da informática”. Tento experiencia no dia a dia com as diversas situações que um ambiente de T.I. proporciona ( computador, impressora, dispositivos de comunicação, rede local, sistemas ERP da empresa, ambiente virtual de servidores, e por aí vai), vivo de perto as demandas desta área tão importante na organização e pouco valorizada, principalmente aqui onde atuo ( interior da Bahia ). Comecei no início deste ano o curso Gestão em T.I. à distância pela Uninter e gostaria de saber SUA OPINIÃO COM RELAÇÃO AO MEU FUTURO PROFISSIONAL, pois com a experiência aliada as boas práticas que estou aprendendo e aprenderei mais ao decorrer do curso, pois vejo que já sou um Gestor de T.I. atualmente.

Deixe seus comentários!